Programa Prospera

Um dos fatores que contribui, e muito, para aumentar o índice de pobreza no Brasil é o sucateamento da educação, que deixa milhares de jovens sem qualificação para o mercado de trabalho, o que faz com que vivam de “bicos”, por conta do baixo nível de conhecimento que esse tipo de trabalho exige e, consequentemente, mal remunerados, alimentando um ciclo vicioso de pobreza por gerações, já que seus filhos dificilmente terão acesso a escolas que promovam educação de qualidade (seja por falta de dinheiro ou por falta de conhecimento e acesso aos programas de bolsa escolar comumente oferecidos). O Prospera é uma política pública que visa contribuir para reduzir esse índice de pobreza no Brasil.

Sair da linha de subdesenvolvimento é um desafio extremamente difícil em um país como o Brasil. Existem, especificamente, dois tipos de barreiras para que uma família saia da extrema pobreza. A primeira, é que a família normalmente está presa a atividades de baixo retorno econômico. A segunda, são as demandas relacionadas à parentalidade (especialmente para mães-solo), como acesso limitado a mercados e barreiras psicológicas, que se somam ao fato de que as famílias precisam se submeter a subempregos para garantir o alimento de hoje, deixando de se capacitar e aprender as habilidades necessárias para um bom emprego.

Além disso, famílias em extrema pobreza têm alta vulnerabilidade a choques: têm, muitas vezes, dependência de um único gerador de renda, e não têm mecanismos existentes para lidar com riscos (como previdência social, poupança e proteção social).

O Prospera pretende promover a mobilidade social e romper com o ciclo intergeracional da pobreza e extrema pobreza por meio de uma abordagem multidimensional: capacitação, estímulo à geração de renda, inclusão produtiva e proteção integral. O programa está sendo implementado, desde 2020, no Governo do Estado de São Paulo, por meio da liderança de Danilo Erly, participante ProLíder 2021.

A metodologia Prospera se sustenta sobre quatro pilares: Projeto de Vida, Tutoria, Capacitação e Incentivo Financeiro. O programa se baseia em iniciativas de inclusão econômica e social, desenvolvidas por organizações parceiras, e possui evidências de que a metodologia é capaz de promover o aumento sustentável da renda de seus participantes, bem como melhorias sensíveis na qualidade de vida.
CASE SANTO ANTÔNIO DA PATRULHA:

A metodologia do Prospera já é um sucesso dentro do Governo do Estado de São Paulo, mas seria possível pensar em um modelo de atuação que permita que essa metodologia seja replicada em municípios de outros estados?

O objetivo da dedicada a isso é facilitar a implementação e validar a viabilidade em cidades de pequeno porte. O programa-piloto foi realizado no município de Santo Antônio da Patrulha, por meio da Secretaria de Trabalho e Desenvolvimento Social, para o público-alvo de 30 mães-solo, em extrema pobreza, com filhos na primeira infância (0 a 6 anos).

Com base em resultados de programas similares, a equipe estima um Retorno Social sobre o Investimento de R$1,72, ou seja, a cada R$ 1,00 investido no Prospera, R$ 1,72 é gerado para a comunidade.

Danilo Erly, Caroline Dourado, Victor Mendes, Ana Claudia Costa e Kassiano Fraga[f], participantes do ProLíder 2021, sonham em resolver um dos maiores problemas brasileiros por meio da criação de uma alternativa escalável para pequenos municípios.

O ProLíder é uma realização do Instituto Four.