PROGRAMA ANTICORRUPÇÃO

O mundo inteiro sofre de um câncer chamado corrupção. Como o tratamento dele é muito doloroso e envolve necessariamente a vontade do indivíduo que o desenvolveu de removê-lo, independentemente das circunstâncias e das consequências, é muito difícil extinguir esse mal. É ínfima a parcela de pessoas que sofre desse mal, toma consciência da necessidade de mudança de rumo e decide pagar o preço.

Diante disso, a forma mais eficaz de combate, no momento, é a prevenção através de mecanismos imunossupressores eficazes que detectam o mal e o cortam pela raiz, antes que ocorra a metástase. O Programa Anticorrupção é uma série de ações que buscam resolver esse, que é um dos maiores problemas da história do Brasil.

Segundo relatório do Fundo Monetário Internacional (FMI, 2019), o valor desviado por corrupção anualmente equivale a 5% do PIB global. Este montante gira em torno de 6,5 trilhões de dólares, ou quase cinco vezes o valor de tudo o que foi produzido no Brasil em 2020.

Com base nisso, Álvaro Santos, participante ProLíder 2021, decidiu dedicar a sua vida a realizar projetos que busquem combater a corrupção em nível estadual (no Rio Grande do Sul, o seu Estado) e federal, pois, nas palavras dele, “enquanto um assassino mata uma pessoa, o corrupto mata milhares.” Formado em Direito, Álvaro decidiu entrar para a área de anticorrupção quando saiu a lei sobre o assunto. Ele se encantou e decidiu que era o que queria para sua vida, já que nunca admitiu injustiça.
PARA UM PROBLEMA SISTÊMICO, UM SISTEMA DE SOLUÇÕES

Para enfrentar um problema tão grande quanto a corrupção no Brasil, Álvaro, por meio da sua atuação na Contadoria e Auditoria-Geral do Estado do Rio Grande do Sul, realiza uma série de ações para solucionar esse problema, todas encabeçadas por ele.

O Programa Anticorrupção tem como visão de longo prazo construir uma sociedade baseada na confiança com qualidade de vida mais elevada, e busca contribuir para a resolução do problema da corrupção no Brasil. As suas iniciativas englobam os seguintes aspectos:


            • Projeto Escola Íntegra: Tem como objetivo difundir a cultura de integridade nas escolas públicas por meio de aulas sobre o tema e disponibilização de cartilhas informativas. O projeto busca impactar 260 mil alunos, 2.377 escolas e 43.682 professores por meio da atuação de 100 auditores da CAGE.

            • Lei Anticorrupção Estadual: A Lei Anticorrupção Estadual do Rio Grande do Sul deu um passo além, em relação à mesma lei federal, e exigiu que empresas que firmarem contratos com o Estado, em algumas condições, também sejam obrigadas a implantar Programas de Integridade. Álvaro e outros auditores da CAGE atuam efetivamente na regulação de Programas de Integridade dentro do que é previsto na Lei.
            • Whistleblower (delator do bem): Álvaro propõe implementar a regulação da atividade de pessoas que possam fazer delações de atividades fora da lei dentro do Estado do Rio Grande do Sul, recebendo recompensas nesse processo, criando novos incentivos para a atividade anticorrupção no Estado.
Essas e outras atividades buscam resolver problemas ligados à corrupção, fraudes em geral e a cultura do “jeitinho”. Álvaro dedicou a sua vida ao tema e busca se tornar uma liderança e referência dentro do Rio Grande do Sul para, no futuro, alçar voos também em nível nacional, combatendo um dos maiores problemas do Brasil.

Começou a vida em mercado financeiro, não pensava em migrar para o setor público. Quando saiu a lei anticorrupção, teve acesso à lei, estava começando a situação de compliance. Aqui ainda se falava muito em governança, mas pouco de compliance. Ficou encantado com o que leu e pensou quem faria isso no Rio Grande do Sul, então começou a estudar por causa desse cargo que ocupa atualmente. Isso levou bastante tempo todo o processo; começou a estudar em 2014 e tomou posse em 2021. Conseguiu, de primeira, entrar na comissão que toca a parte anticorrupção. Foi nomeado para ser o cara que vai tocar a parte de integridade da CAGE; vai ser um projeto-piloto do Estado para depois ser uma espécie de consultor de implantação do setor de integridade no CAGE.

Nunca gostou de injustiça, de corrupção; enquanto um assassino mata uma pessoa, o corrupto mata milhares. Já tinha esse senso de justiça e uniu isso a Deus, então foi dando tudo muito certo.

O ProLíder é uma realização do Instituto Four.